Arte

Drops: Modernismo brazuca, Hirst e o Medium

By August 24, 2012 No Comments

Colóquio Internacional 90 anos do Modernismo Brasileiro

O Colóquio Internacional de 90 anos do Modernismo Brasileiro foi elaborado por estudantes membros da Associação de Pesquisadores e Estudantes Brasileiros na França (APEB-FR). O evento acontecerá no Teatro Lucio Costa da Casa Brasileira na Cidade Internacional Universitária de Paris, nos dias 25 e 26 de outubro, 2012.

Anote na sua agenda se estiver em Paris =)

Uma cabeça de vaca: Damien Hirst

Para realizar essa visão artística ousada, Hirst contou com um poderoso apoio financeiro desde o início de sua carreira. Filho de um mecânico e uma dona de casa, ele saiu de casa aos 17 anos e chegou a ter problemas com a polícia antes de se dedicar à arte. Sua primeira exposição ocorreu em 1988, ao lado de colegas recém-graduados da Universidade Goldsmiths, de Londres. A mostra foi um fracasso, mas rendeu um importante contato. Durante a exposição, Hirst foi descoberto pelo milionário colecionador Charles Saatchi, dono de uma enorme galeria de arte londrina.
Saatchi se encantou com a primeira instalação “animal” do artista: a cabeça de uma vaca em decomposição, coberta de moscas. O encontro foi essencial para o futuro artístico de Hirst. Saatchi comprou a obra, que pouco agradara na época, e virou o principal colecionador de Hirst. Em 1991, Saatchi ofereceu a ele fundos para qualquer obra que ele desejasse realizar. Logo depois, Hirst criaria um de seus mais famosos trabalhos, o tubarão preservado em formol, exibido logo depois na galeria de Saatchi.

Se você tem pretensões de viver de arte não pode perder a íntegra desse artigo. Se estiver na Inglaterra, agende uma visita à expô do autor no Tate. E se por acaso você deseja patrocinar uma artista criativa, fale comigo. Tenho obras cuja execução vão de 25 a 200 mil reais. Thank you.

Face end

Você está ficando de saco cheio do facebook? Eu também. Muita gente idem. Também enjoei do so.cl: o uso não é intuitivo e as imagens são desse tamaninho. Mas o Medium, criação dos inventores do blogger e twitter, promete. Nem todo mundo está excitado com a estória toda, falando que na verdade não há nada de novo no front. Eu? Já tou na lista de espera.
 

Charô Nunes

Esses são textos de Charô Nunes, publicados em diversos blogs desde 2008, quando se inicia sua trajetória rumo à escrita e à intelectualidade. Alguns são textos inacabados, que serão publicados sem qualquer revisão ou adição.

Leave a Reply