Cultura & Sociedade

Ser negra, esse erro de beleza

By July 3, 2012 No Comments

Saiu no site do MSN Brasil um artigo falando sobre 10 deslizes que atrasam sua beleza. Fui ver logo pensando que estava enquadrada em todos, até mesmo porque não me preocupo com coisas como o ***gerenciamento obsessivo*** de pelos corporais ou feitura das unhas semanalmente porque acho um absurdo gastar tanto com coisas desse tipo (uma mulher chega a gastar 1000 reais ou mais por ano com manicure).
O primeiro erro da tal lista é ter unhas compridas demais, o segundo é cortar as unhas em público (vai que você leu a matéria, viu que tem unhas enormes e decidiu cortá-las no escritório…) e o terceiro… Eu logo pensando, vai ser que ser negra vira erro de beleza também… O triste é que eu estava certa. Nada de errado a priori com a descrição do erro em si, se você não é negra realmente não é aconselhável querer ser negra à força. Sol em demasia também faz mal à pele…

Exagerar no bronzeado

Embora as câmaras de bronzeamento estejam proibidas no Brasil desde 2009, tem gente que mantém costume de passar horas embaixo do sol para ficar com a pele morena. Exagerar no bronzeado, ainda que natural, envelhece a pele, produz manchas e rugas e dá a você uma aparência de cansada. “Os melhores horários para tomar sol são no início da manhã e no final da tarde, sempre com protetor solar, pois o produto não impede o bronzeado”, afirma o dermatologista Murilo Drummond, do Rio de Janeiro. Se você quer manter a pele morena, o melhor a fazer é usar sprays de bronzeamento, que colorem a pele em casa sem prejudicá-la e deixam com uma aparência natural.

Alguém me belisca que estou sonhando. Parece que voltei no tempo, quando ia para escola e me diziam que eu tinha passado do ponto, que estava queimadinha demais. Porque existe uma pretitude aceitável, aquela que é clarinha e tem traços caucasianos. Essa sim, uma beleza negra aceitável. Todo o resto passou do ponto e é exagero.

Charô Nunes

Esses são textos de Charô Nunes, publicados em diversos blogs desde 2008, quando se inicia sua trajetória rumo à escrita e à intelectualidade. Alguns são textos inacabados, que serão publicados sem qualquer revisão ou adição.

Leave a Reply