Tag

Out of desk

Impressionismo no CCBB_sp, uma nova série

By Arte No Comments

A vida nos reserva momentos mágicos e hoje foi um deles. A Samegui que você conhece de A vida como a vida quer convidou, em parceria com Felipe Zulato e Cielo, uma turma de blogueiros para uma oportunidade singular: participar de uma visita guiada (com direito a brunch) para um seleto grupo de aproximadamente 15 pessoas à expô Impressionismo: Paris e a modernidade. Tem como não amar uma coisa dessas? Um cenário dos sonhos como é o CCBB_sp, obras de arte que são referências quando o assunto é o século XIX (Revolução Industrial e suas transformações) e companhia agradabilíssima. Sou francófona de coração (apesar de todo meu amor por Berlim e de algumas notícias direto de Paris que ameaçam seu posto de capital internacional da cultura) desde os tempos em que trabalhava em uma das bibliotecas de Aliança Francesa. Então, a oportunidade de ver algumas das obras que só conheço remotamente (não, nunca fui à Cidade Luz) foi de arrepiar. Pois foi assim que me senti ao ver obras prediletas, ao alcance dos olhos. Por isso, aproveitando a organização da curadoria, farei uma série de posts sobre o assunto, tendo como fiel escudeiro Walter Benjamin e o seu oportuno Passagens: París, cidade…

Read More

Uma pessoa, uma ilha

By Cultura & Sociedade No Comments

Estava com pressa mas por alguns segundos eu vi. Aquela pessoa parada ali, no meio da Sumaré (São Paulo), sem respirar. Uma pessoa que parecia uma ilha, numa ilha no meio dos carros. E a cada carro, a imagem era atropelada para mim. Era bem diferente de O grito sabe, era exatamente o oposto. E não lembro de ter lido nada parecido na obra de Stevenson, tão pouco de Baudelaire. O vazio, o vazio.

Read More

Trend: o amor pela sua casa

By Cultura & Sociedade No Comments

Você certamente já ouviu falar no conceito de consumo aspiracional. É aquela modalidade de consumo em que se faz tripas coração para ter algo que geralmente não se pode comprar sem comprometer o orçamento. Como por exemplo sonhar em decorar sua casa igual a da revista ou do blogue quando isso seria impossível e insalubre para seu bolso. O chato é que 10 entre 10 blogues de decoração, grandes ou pequenos, são aspiracionais. Daí você me diz: e os apartment therapy da vida? Aspiracional. Quem tem tempo para ficar se jogando no do it yourself? Quem tem paciência e talento pra ficar com a mão cheia de cola e tinta? Os bons resultados dependem de boas ferramentas (você tem todas?), tempo (hein?) e muita disposição. E ninguém aqui é Martha e nem Ophah, faizfavô. A temporada de casas possíveis está oficialmente aberta! Ame sua casa como ela é. Com ou sem móveis maravilhosos, com os cantinhos cheios de poeira e estórias. Com as paredes descascadas e bolinhas de pelos de seus animais de estimação. Não tenha medo de jogar suas revistas diretamente no chão ou ter caixas empilhadas em qualquer lugar. Só mantenha espaço suficiente para circulação de pessoas, animais e luz e pronto. Casas…

Read More